fbpx
Veja as principais recomendações para emitir sua nota fiscal

Como emitir Nota Fiscal: principais cuidados que você deve ter

4 min de leitura

A Nota Fiscal ou como também é conhecia, NF, é o principal documento utilizado em operações comerciais e funciona como um recibo. Por isso, saber como emitir sua nota fiscal é essencial para qualquer empresa, das pequenas às grandes.

Afinal, ela garante o recolhimento e cálculo corretos dos impostos e pode ser usada como comprovação de que a empresa está em dia com a Receita Federal e cumpriu todo o seu papel de contribuinte.

Portanto, conhecer as principais modalidades e entender os cuidados que você deve ter ao emitir a NF é essencial.

Veja as dicas para que o seu negócio fique em dia com os documentos fiscais!

Três principais cuidados que você deve ter ao emitir uma Nota Fiscal

Para garantir a validade do documento ao emitir a Nota Fiscal, é preciso conhecer alguns dos cuidados para fazer o procedimento de forma correta.

Assim, você evita dores de cabeça futuras e consegue ficar em dia com as pendências fiscais.

Adquira um certificado digital

O passo a passo para adquirir o certificado digital é importante para validar a nota fiscal (Fonte: NFe Blog)

O certificado digital funciona como uma espécie de assinatura pessoal. Em resumo, ele é o documento necessário para garantir validade jurídica ao emitir a NF-e – a nota fiscal eletrônica.

O certificado pode ser de dois tipos:

A1, um arquivo digital instalado diretamente no computador;

 – A3, um dispositivo físico como um pen drive ou cartão.

Alguns podem ser instalados em mais de um computador e até permitem a automatização da emissão, então fique atento!

Para fazer o procedimento, primeiramente, o empresário precisa escolher uma Autoridade Certificadora (AC) ­– entidade responsável pela comercialização dos certificados – subordinada à Infraestrutura de Chaves Públicas Brasileira (ICP-Brasil).

Depois, é preciso comparecer pessoalmente em uma Autoridade de Registro (AR) para que as informações sejam conferidas.

Preenchendo formulário ao lado do computador
Adquirir seu certificado digital e se registrar na Sefaz do seu estado é essencial para emitir a nota fiscal

Faça o credenciamento na Sefaz (Secretaria de Estado da Fazenda)

Depois de adquirir o certificado digital da empresa, é necessário fazer o credenciamento dela na Secretaria do Estado da Fazenda (Sefaz) do estado onde ela está registrada. Assim, será possível emitir sua nota fiscal.

Esse procedimento varia de acordo com cada localidade e, por isso, é indicado procurar um contador para ajudar com a legislação local.

Saiba como preencher a nota fiscal corretamente

A verificação e correção de tudo antes de emitir a nota fiscal são essenciais.

Afinal, um erro — seja por falta de atenção no preenchimento, ou condições de armazenamento — pode resultar em multas de até 50% sobre o valor da operação e até anular a NFe.

Os problemas mais recorrentes e comuns ocorrem devido a um desconhecimento do emitente ou por falhas nos cadastros de produtos e de clientes.

Por isso, mantenha ambos sempre completos e atualizados. Além disso, é necessário manter a NFe à disposição da Receita Federal por um período de cinco anos a partir de sua emissão. Com o TIM Segurança Digital você tem uma gama de serviços prontos para dar a sua empresa a proteção necessária aos seus arquivos importantes e uma maior segurança para seus smartphones, além de um help desk remoto para toda sua empresa.

Dentro deste preenchimento, o NCM (Nomenclatura Comum do Mercosul) merece bastante atenção. Utilizado principalmente pela Receita Federal, ele é um código de oito dígitos onde são reunidas informações diferentes sobre o produto como matéria-prima, a qual grupo a mercadoria pertence, o grau de finalização etc.

É ele quem determina qual será a tributação incidida sobre o produto descrito na NF. Ou seja, utilizar o código errado ou não o preencher de forma correta, pode gerar problemas em toda a cadeia de tributação da NF-e, como pagamento de impostos indevidos.

Fique atento! A nota fiscal é um documento importante para a saúde financeira e longevidade do seu negócio.

Esse artigo foi útil?

Usuários que acharam útil: 12 de 20

Gostou? Compartilhe!

Pode ser que você goste...

Home office: 6 dicas para trabalhar de casa durante a quarentena

4 min de leitura O home office, adotado em caráter emergencial, é uma das principais medidas para evitar a propagação da Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus. Agora que estão remotos, é preciso tomar alguns cuidados para garantir o conforto e bem-estar dos colaboradores ao trabalhar de casa. Além disso, a prática é conhecida por […]

 - 4 min de leitura

Está em home office por conta da quarentena? Confira dicas para trabalhar de casa!

Cadastre-se em nossa newsletter
para receber conteúdo exclusivo.

Cadastro realizado com sucesso!

Você começará a receber as newsletter mensais da Parceira de Negócios em sua caixa de entrada.

Coleta de cookies

Em acordo com a Lei Geral de Proteção de Dados, informamos aos nossos leitores que o Blog Parceira de Negócios coleta cookies. As informações são utilizadas para melhorar a experiência de navegação e tornar nossso conteúdo cada vez mais útil e assertivo. Ler declaração de cookies

Ler declaração de cookies